terça-feira, 3 de maio de 2016

MET 2016 | "Fraquinhos, fraquinhos"

Os looks que se seguem são aqueles que não são necessariamente maus mas também não nos fazem suspirar. Posto isto, vamos continuar com a nossa maratona porque muito está por vir e não vejo a hora de chegar aos "bons" (que os houve).

Quem não é nova nestas andanças é a Miss Selena Gomez. Acaba por ter um estilo previsível (não que isso seja uma coisa má quando se é uma Jennifer Lopez). O sangue latino até está lá mas com metade da garra e do impacto que J.Lo causa numa gala. O problema é que as escolhas da cantora são um pouco sem sal. Ontem à noite não foi diferente. Para começar, devia ter deixado as botas em casa. Não morro de amores pelo vestido que tem um comprimento ingrato. Ou curto ou comprido, assim é só estranho e indefinido. Quer dizer, não posso negar que o estampado lembra um pouco as blusas da minha avó mas...



Beyoncé é Beyoncé, ponto! E o que nela é mau, em outra qualquer seria terrível. É o caso deste vestido. Parece uma espécie de segunda pele pela qual não me apaixonei. Entendo que o nude seja tendência mas acho que ela é capaz de muito melhor. Aliás, ela merece muito melhor. Só não é terrível porque é da Bey que estamos a falar e isso, por si só, já é salvação. 




Emily Ratajkowski (nunca consigo escrever este nome, serei a única?) estava simplesinha, nada demais. Sexy enough mas sem o fator "uau".



Cá entre nós, acho que a Lorde preferia estar em qualquer outro lugar em vez de nos MET mas quem sou eu para julgar? O que estraga tudo são mesmo as camadas de tule...



Kristen Stewart foi num look total Chanel e não há muito a dizer sobre ela. Se gostei? Nem por isso. Se sequer simpatizo com ela? Nem por isso. Já o ex, isso é outra história (vou deixar o destaque dos boys aqui também, descansem). Então, 'tá bom, ficamos assim. Para o ano há mais. 


Já do vestido de Anna Kendrick gostei da cor. Não fiquei de queixo caído mas não é mau.

"Manus x Machina: Fashion In An Age Of Technology" Costume Institute Gala - Arrivals

Não entendi muito bem a indumentária da Emma Watson. Seria uma saia ou calças? Ponto pela originalidade embora pareça um tanto inacabado (talvez seja esse o propósito).
  

Rosie Huntington tem o dom de ficar bem com o mínimo de esforço. Basta levantar um dedo e fica logo espetacular, sem grandes malabarismos. Esteve quase a ponto de mostrar mais do que devia, quase. Uma simples deusa grega ou uma deusa grega simples?


Acompanhem mais novidades no Facebook e no Instagram (@amigasdoclosetblog) e sigam-me por lá.

Sem comentários:

Enviar um comentário

KEEP CALM & BE NICE!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...