segunda-feira, 22 de junho de 2015

I'm back!


Exames despachados, pestanas reduzidas a duas sobreviventes, um único fusível por rebentar no cérebro (bêbedo quase de certeza, tendo em conta que me rio que nem uma perdida desde aí) e aqui estou eu (ou o que sobreviveu). Não me responsabilizo por possíveis danos a partir daqui, vão ter de conviver com isso! Até aos resultados devo ficar sem unhas também (ou então não) de tanto as roer. Enfim... É esperar para ver... Infelizmente com o curso que quero, Design Gráfico, só há uma faculdade pública (já ninguém diz faculdade não é?) com média de 17,6 valores (WHAT?). Não é como se fosse para médica, minha gente! Se acho que vou entrar nessa? Not really! Por isso fiz uma busca intensiva em faculdades privadas (um roubo!). 
Nisto tudo, recebo uma carta do IEFP para um daqueles cursos da treta (quando me inscrevi a ideia era arranjar um emprego, não era prosseguir estudos. Se quisesse prosseguir estudos ia para a faculdade, não tirava um curso de três meses que me ensinasse a escrever no Word). A suposta inscrição é amanhã mas a resposta vai ser não. E como se não bastasse, dois dias depois recebo outra carta do IEFP com a possibilidade de integrar um daqueles estágios-emprego que duram nove meses e depois vos dão um pontapé no "fofo" e "adeusinho, até amanhã". Decidam-se, pah! 
Há um ano atrás diria imediatamente que sim, nem pensava duas vezes! Agora nem tanto. Deixam-nos um ano na ignorância, à procura de todas as alternativas possíveis e imaginárias e agora acham que é só abanar o envelope e já está. Demorei um ano a convencer-me a ir para a faculdade e agora que consegui, lembram-se que afinal até me arranjam qualquer coisinha. E o pior é que é um estágio, não é nada certo. E é claro que há sempre a possibilidade de ficar na empresa, claro que há! Mas é uma incerteza. E sim, eu sei que às vezes sonho alto demais e que hoje em dia já não há certezas... Digamos que até aceito o estágio, e depois? Faço o estágio, "Gostámos muito do teu trabalho mas não temos a possibilidade de te manter aqui, desculpa. Mas tudo de bom, han? Muita sorte". E é assim? Fico mais um ano à toa, ando a saltar de estágio em estágio, de trabalho em trabalho, ou vou para a faculdade... Se continuar a adiar, quer dizer... Quanto mais tarde entrar, mais tarde vou sair... Eu sou o tipo de pessoa que acha que já vai tarde para tudo, não sei se percebem...
Oh caraças! "Eu quero ir para a ilha!"

4 comentários:

  1. 'Bambora' para a ilha as duas! ;)

    1beijo,
    http://umblogsoparamim.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É que nem é preciso pensar duas vezes... Pode ser que assim seja mais baratinho ;) repartido por todos dói menos, não é?
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Os estágios do IEFP não são maus de todo, até porque muitas empresas acabam por ficar com as pessoas. Mas percebo a tua "indecisão", porque tirar uma licenciatura não sendo uma coisa altamente necessária, ajuda imenso! A minha sugestão é: se ficares no estágio avisa que estás a pensar ir para a faculdade e se eles forem flexíveis ajustam-te o horário de modo a conseguires conciliar ambas as coisas. Tenho colegas que fizeram isso. :)

    http://entreosmeusdias.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo conselho, a senhora que me apresentou a proposta disse a mesma coisa. Não me pareceu uma má ideia por isso decidi arriscar e encaminhar o CV. Logo se vê... Se der para conciliar tudo, melhor...
      Um beijinho e obrigada ;)

      Eliminar

KEEP CALM & BE NICE!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...